COMUNIDADE SANTO EXPEDITO

    (...) “Outra ainda caiu em boa terra, deu boa colheita, a cem, sessenta e trinta por um. Aquele que tem ouvidos para ouvir ouça!” mbuídos do propósito de semear a palavra em terra fértil o Pároco João Paulo Teixeira Dias e alguns paroquianos estiveram no dia 19 de fevereiro de 2014 em uma das mais novas Comunidades de fé de nossa Paróquia, Comunidade Santo Expedito, na Vila Brandão, para dar início à sua estruturação. Primeiramente queremos dizer quem foi Expedito: Santo Expedito foi martirizado na Armênia. Ele era militar, foi decapitado no dia 19 de abril de 303, sob o imperador Dioclesiano, que subira ao trono de Roma em 284. Ele levava uma vida devassa; mas um dia, tocado pela graça de Deus, resolveu mudar de vida. Foi então que lhe apareceu o Espírito do mal, em forma de corvo, e lhe segredou “cras….! cras….! cras….!” palavra latina que quer dizer: amanhã…! amanhã…! amanhã…!, isto é deixe para amanhã! Não tenha pressa! Adie sua conversão! Mas Santo Expedito, pisoteando o corvo, esmagou-o, gritando: HODIE! Quer dizer: HOJE! Nada de protelações! É pra já! É por isto que o Santo Expedito é invocado nos casos que exige solução imediata, nos negócios em que qualquer demora poderia causar prejuízo. No Brasil, sobretudo, Santo Expedito é invocado nos negócios e dificuldades da vida, conhecido como “o santo das causas urgentes”. Foi celebrada a Santa Missa na residência da Sra. Marise Orondina Ferreira de Amorim e na oportunidade Padre João Paulo disse que aqueles eram os primeiros passos da nova Comunidade que por ora contava com o apoio das Comunidades São Cristovão e São Sebastião (Barra). Esta Comunidade ainda não tinha um local para suas celebrações e Padre João Paulo conclamou-nos a colocarmos no “coração de Deus” a indicação de um melhor caminho para a aquisição de um terreno para a construção de uma capela, seja pela compra ou doação e citou as palavras de D. Luciano Mendes de Almeida (que foi Arcebispo de Mariana): “Aonde há povo há razão de ser pastor”, enfatizando a importância da participação de toda a comunidade. Para constituir a Casa do Senhor a Comunidade conta com o apoio do casal pertencente à Pastoral Familiar, Neide e André e sua filha Letícia (Comunidade Nossa Senhora Rosa Mística) e naquela oportunidade também pensaram na constituição do Conselho da Comunidade e na indicação de nomes para os Ministérios da Palavra e Eucaristia. Nos primeiros momentos a Comunidade Santo Expedito realizou a Celebração da Palavra nas casas toda terceira 4a feira do mês às 19:00 h e, no primeiro domingo do mês às 8:00 h. No primeiro domingo de abril de 2014 a celebração aconteceu às 8:00 com a participação da Comunidade São Cristovão. Para celebrar o dia do padroeiro, aconteceu a festa em sua honra realizada no dia 13 de abril/2014 (Domingo de Ramos). A Santa Missa foi celebrada às 15:00 h e logo em seguida teve a procissão com a participação das comunidades São Cristovão e São Sebastião (Barra). Hoje a Comunidade já adquiriu o terreno e iniciou as obras de construção da Capela, dando exemplo de que não podemos deixar para amanhã a nossa caminhada rumo ao Reino celeste. Saiba como chegar à Comunidade Santo Expedito, na Vila Brandão: vá pela BR 040 em direção à São Pedro das Perobas, faça o retorno no Posto Perobão e depois de passar de volta pela Escola Antônio Fagundes Netto entre à direita no próximo ponto de ônibus.

    Ana Maria Marques Dias - Divisão de Arquivo Público e Patrimônio Cultural


    História de vida de Santo Expedito


    Topo da Página